Google+

Google Glass é vendido por 1.500 dólares mas na verdade custa apenas $80 para ser fabricado

Google Glass é vendido por 1.500 dólares mas na verdade custa apenas $80 para ser fabricadoDe acordo com especialistas o 'computador vestível', como é chamado pelos gringos, da Google é feito com peças que custam apenas $79,78.

Para aqueles que sempre estão antenados com as novas tecnologias e que estão loucos para pôr as mãos no gadget que neste momento é considerado o futuro da computação vestível atualmente terão que desembolsar algo em torno de $1.500.

E é claro que por aqui, com a alta carga tributária que temos é bem possível que esse valor fique em torno de R$ 3.315,00, sem contar a  alícota de importação que também é muito pesada.

O Glass, vêm sem a capacidade de encaixe de lentes, o que significa que aqueles que precisam de lentes especiais, com prescrição médica terão que desembolsar um extra de $225 para quadros diferentes, já que os chamados
'quadros acessórios', ou armações serão fornecidos com lentes claras.

Isso eleva o custo total para $1725, além do trabalho do oftalmologista.

O curioso é que o dispositivo da Google parece custar bem menos para ser fabricação, se levarmos em consideração apenas a s peças necessárias para a montagem do produto.

Uma estimativa feita por especialistas que compraram um exemplar do Glass para desmontar estima que o conjunto de peças não sai por mais $79,78 (£ 47,28).

Google Glass é vendido por 1.500 dólares mas na verdade custa apenas $80 para ser fabricadoO componente mais caro é o processador, um chip da Texas Instruments, que custa em torno de $ 13,96. Outros itens, como a bateria chegam a custar apenas $1.14. O dispositivo tem capacidade de armazenamento 16 GB de espaço para aplicativos, fotos e vídeos, coisa de uns $8,18, e 1 GB de RAM, que custa 4,68 dólares.


 

Mas os números não contam toda a história.

Não estão incluídos nesse total é as despesas de projeto do Glass e os investimentos em pesquisa e desenvolvimento. Nem o transporte, marketing ou a criação de uma equipe de suporte técnico criada pela divisão experimental chamada de GoogleX, da gigante de buscas, que está atualmente trabalhando em um projeto de criação de carros sem motoristas.

Em 2011, um protótipo do Glass pesava cerca de 3,6 kg, mas hoje é tão pequeno e leve que pode ser usado como um par de óculos de sol normal.

Os primeiros exemplares foram oferecidos aos desenvolvedores selecionados em abril de 2013, mas esses "Explorers" ainda tinham que comprar seus próprios dispositivos por $1.500. Pensa-se que a versão do consumidor final será lançada ainda este ano a um custo significativamente menor do que o atual.

Estas são as novas armações do Glass, "Classic", para óculos de sol em cor "escura". É, não são lá essas coisas em termos de design, mas para quem não muito liga para isso, pode até 'quebrar um galho', o que você acha?

Google Glass é vendido por 1.500 dólares mas na verdade custa apenas $80 para ser fabricado

 

Gostou desse artigo? Compartilhe!

Topo