Google+

Será que você nasceu para ser empreendedor?

sites para construtoras

Confira algumas grandes dicas para se tornar um empreendedor de sucesso. Para ter o próprio negócio, ele deve em primeiro lugar ser financeiramente viável, ou seja, você deve administrar sua vida particular de maneira que consiga, através de seus rendimentos, suprir todas as suas necessidades e com o saldo de caixa investir, não importando o volume de dinheiro ganho, na verdade o que mais importa não é o volume monetário que se ganha, mas sim a maneira como se gasta.

Não adianta abrir uma empresa sem essa característica, pois se na vida particular possuía o perfil de pagar juros e enriquecer instituições financeiras, a única coisa que irá mudar como empreendedor é que o volume de dinheiro será maior e conseqüentemente dará mais dinheiro ainda a terceiros, enriquecendo mais rápido quem se beneficia deste tipo de situação.

Ninguém nasce um gênio no mundo das finanças, as pessoas aprendem a vencer no mundo dos negócios, sendo que alguns tem o privilégio de ter por perto pai, mãe ou algum parente que o ensina através de exemplos no dia a dia. Outros, que acabam enriquecendo um sem número de terceiros, em troca de conhecimento financeiro. Mas não se assuste, tem casos piores de pessoas que passam à vida inteira dando dinheiro para outros e nunca aprendem.

É muito comum também olharmos somente o resultado final dos processos. Olhamos uma pessoa bem sucedida e próspera e já nos reportamos no resultado que apresenta, sem lembrar que para chegar onde chegou existiu um caminho palmilhado, quase sempre com muito suor e sacrifício.

O grande desafio da vida é tornar-se uma pessoa melhor a cada dia, crescer como ser humano e juntamente com isso a prosperidade acompanhará o crescimento. A maioria das empresas e conseqüentemente das pessoas, fracassam, mais por problemas internos do que externos.

1 – Ideia ou projeto?

A maioria das boas idéias fica apenas na “boa ideia”, ou seja, não sai do papel. Esse é um dos grandes equívocos que as pessoas cometem. Não que ter boas idéias seja simples, mas implementar, executar, fazer acontecer é sempre mais complexo. Lembra-se do Thomas Edson? “Talento é 1% de inspiração e 99% de transpiração”.

2 – Paixão que faz a diferença!

Todo empreendedor de sucesso tem verdadeira paixão pelo que faz. O seu projeto é de extrema importância e ele faz de tudo para que o projeto siga em frente.

3 – Muito, mas muito foco.

O empreendedor é uma pessoa que consegue diferenciar alternativas boas e ruins e não fica pensando no que poderia ter feito. Ele escolhe um caminho e vai em frente. Errar não é um problema, faz parte do processo de aprendizado – a diferença é que um bom empreendedor erra, mas corrige e aprende ainda mais rapidamente.

4 – Mais que empreender.

Para que o projeto seja um sucesso, é imprescindível que se saiba exatamente o que está sendo feito. Conhecimento daquilo que estamos criando é fundamental.

5 – Persistência é seu sobrenome!

Persistência é a palavra que define um empreendedor da forma mais completa. Nunca desistir é o seu lema. Sempre há alternativas, caminhos – e se eles não existem, serão criados.

6 – Eu acredito.

Acreditar em si mesmo é o motivo que o torna um empreendedor em sua essência. A autoconfiança é a marca registrada dessas pessoas.

7 – Fracasso é coisa de perdedor.

Para o bom empreendedor não existem fracassos. Existem oportunidades que se perderam e acontecimentos que não se repetirão. O erro é sempre uma etapa do aprendizado.

8 – Vontade de vencer

Ser vencedor é uma questão de honra. O empreendedor sabe que é um vencedor e sempre corre atrás de seus objetivos.

9 –Visão é a alma do negócio

Ter a capacidade de ver as coisas a frente de seu tempo é uma característica ímpar de um empreendedor. Ser visionário, enxergar o que ninguém viu e transformar fracassos em oportunidades faz parte de seu dia-a-dia.

10 – Disposição para criar

É fundamental estar sempre criando, aprendendo e mudando – o processo criativo exige um constante aprendizado e abertura para o novo, para mudança. Acima de tudo o empreendedor quer dar vazão ao seu potencial criador.

“Muitos empreendedores não se tornam verdadeiros homens de negócio senão depois de terem perdido a primeira empresa” (KIYOSAKI)

 

  

Gostou desse artigo? Compartilhe!

Topo