Google+

3 razões para criar uma versão móvel do site de sua empresa

3 razões para criar uma versão móvel do site de sua empresa

A bem pouco tempo ainda nos perguntávamos se deveríamos ou não ter uma versão móvel para o website da empresa e muitas vezes a resposta era: depende. 

Mas hoje não há mais dúvidas sobre isso, é imperativo que sua marca esteja em todos os lugares onde houver uma conexão de internet. 

Se você tem uma grande companhia ou um negócio de conveniência e o site de sua empresa não é acessível para o consumidor 'móvel' você simplesmente está abrindo uma enorme oportunidade para seu concorrente aumentar o 'marketshare' dele, e o mais preocupante é que apesar da expansão dos mercados com o aumento significativo de novos consumidores todos os dias ainda assim o número de empresas que passam a disputar os mesmos mercados é ainda é maior.

Então diante desse novo cenário vamos analisar esta questão a partir de três pontos muito importantes.

1. Um site 'normal', aquele feito para ser acessado no seu notebook ou no seu PC, leva muito mais tempo para download em dispositivos móveis.

Existem muitas maneiras de criar um site para smartphones e tablets. Uma delas envolve o que é conhecido como 'responsive webdesign'. 'Responsive webdesign' significa projetar um site e codificá-lo para se adaptar a diversos tamanhos de tela nos mais variados tipos de equipamentos disponíveis no mercado.

Por exemplo, um site deve ser grande em um monitor de 22" widescreen ou mesmo em um iPad, mas não em um smartphone. Em cada caso, o site deve se adaptar para a tela que o usuário está usando.

No entanto, um website dinâmico apresenta-se completo na hora do download, se o site possui 3 colunas, 2 estão 'escondidas' no mobile.

Isso significa que ele levará mais tempo para ser acessado, o que pode ser 'mais caro' para clientes em roaming que utilizam planos de pacotes de dados, e isso também significa que o browser do telefone, precisa trabalhar mais para baixar o site, o que poderia levar vários segundos em telefones antigos.

Este método pode funcionar para publicações de blogs e sites muito grandes, mas não vai funcionar para sites institucionais na maioria das empresas.

Um site completo que não foi construído com webdesign adequado, obrigará o usuário a usar muitos recursos do aparelho, como zoom, scroll esquerda e direita para ler as informações.

E se o seu site tem aquele menu de navegação muito bacana, com animação e tal, todo construído em Flash? Perda total, seu cliente não vai navegar no site de sua empresa. Porque? Por que ele não vai funcionar em iPhones e tablets. Os usuários móveis são tolerantes, mas paciência tem limites.

2. Uma versão otimizada cria uma experiência verdadeiramente agradável, nova e demonstra sua preocupação em atender seus usuários.

Pense nisso. Uma versão móvel específica significa que as imagens podem ser otimizadas, adequadas a dispositivos móveis, o layout pode ser otimizado, e que o conteúdo pode ser otimizado.

Qualquer coisa fora disso estará fazendo o usuário consumir mais recursos de seu pacote de dados e de seu aparelho do que o necessário. Resoluções maiores causam uma sobrecarga de conteúdo, falta de clareza, e imagens que levam mais tempo do que o necessário para fazer o download.

3. A abordagem no Mobile requer uma forma diferente para se apresentar o conteúdo.

Quando se trata de um PC 'normal', o contexto fica muito diferente: é feito para alguém que está em casa ou no trabalho, sentado em frente ao seu computador.

No ambiente móvel, no entanto, é bem diferente, os usuários de smartphones podem estar navegando na web, do sofá durante os comerciais ou verificando informações importantes num aeroporto.

A necessidade de acesso à informação pode estar em um ambiente descontraído ou tumultuado onde cada segundo do tempo de download é importante.

 

Gostou desse artigo? Compartilhe!

Topo